Contusão no Joelho: sintomas, como tratar e tempo de recuperação

Qual é a diferença entre contusão, entorse, luxação e fratura?

Contusão, entorse, luxação e fratura são diferentes tipos de lesões que afetam os ossos, músculos, tendões e ligamentos do corpo.

Contusão

Também conhecida como “hematoma” ou “equimose”.

Agendar sua Avaliação

É uma lesão na qual os vasos sanguíneos sob a pele são danificados, resultando em sangramento interno.

Causa inchaço, dor e descoloração da pele na área afetada, devido ao acúmulo de sangue.

Não envolve necessariamente danos aos ossos, tendões ou ligamentos.

Agendar sua Avaliação

Entorse

Uma entorse ocorre quando um ligamento é esticado ou rompido.

Os ligamentos são tecidos fibrosos que conectam os ossos e ajudam a estabilizar as articulações.

As entorses são frequentemente causadas por movimentos bruscos, torções ou trauma direto.

Podem variar em gravidade, desde entorses leves (estiramento) até entorses graves (ruptura completa do ligamento).

As áreas comuns para entorses incluem tornozelo, punho e joelho.

Luxação

Uma luxação ocorre quando dois ossos que normalmente estão conectados em uma articulação se separam.

Isso geralmente resulta em dor intensa, inchaço e perda de função na articulação afetada.

As luxações podem ser causadas por traumas, como quedas ou impactos.

As articulações mais comumente luxadas incluem ombro, dedos, cotovelo e quadril.

Fratura

Uma fratura é uma quebra ou rachadura no osso.

Pode ser uma fratura simples (quando o osso está quebrado em apenas um local) ou uma fratura cominutiva (quando o osso se quebra em vários fragmentos).

As fraturas podem ser causadas por lesões traumáticas, como quedas ou acidentes, ou por condições subjacentes que enfraquecem os ossos, como a osteoporose.

O tratamento pode envolver imobilização do osso quebrado, cirurgia para reposicionar os fragmentos ou o uso de dispositivos de fixação, como placas e parafusos.

Quais são as causas?

As contusões no joelho, também conhecidas como hematomas ou equimoses no joelho, são causadas principalmente por traumas diretos na região do joelho.

homem no chão com contusão no joelho

As causas mais comuns incluem:

Quedas

Cair sobre o joelho é uma das principais causas de contusões no joelho. Isso pode ocorrer em situações cotidianas, como tropeçar ou escorregar, ou durante atividades esportivas ou recreativas.

Colisões ou Impactos

Qualquer impacto direto na região do joelho, como ser atingido por uma bola, colidir com outro jogador durante um esporte ou estar envolvido em um acidente automobilístico, pode causar uma contusão no joelho.

Acidentes de Trabalho

Lesões ocupacionais, como quedas em canteiros de obras, choques com equipamentos ou objetos, ou outros tipos de acidentes de trabalho, podem resultar em contusões no joelho.

Atividades Esportivas

A prática de esportes de contato, como futebol, hóquei, rugby e artes marciais, aumenta o risco de contusões no joelho devido a colisões com outros jogadores ou quedas.

Lesões durante Exercícios

Atividades físicas, como corrida, ciclismo ou levantamento de peso, podem levar a contusões no joelho se ocorrerem quedas ou colisões durante os exercícios.

Acidentes Domésticos

Acidentes em casa, como bater o joelho em uma mesa, cair em escadas ou tropeçar, também podem causar contusões no joelho.

Atividades de Lazer

Lesões no joelho podem ocorrer durante atividades de lazer, como caminhadas, ciclismo ou esqui, principalmente se houver quedas ou colisões.

Sintomas

Os sintomas de uma contusão no joelho podem variar dependendo da gravidade da lesão, mas geralmente incluem os seguintes:

  1. Dor: A dor é um sintoma comum e muitas vezes é a primeira indicação de uma contusão no joelho. A intensidade da dor pode variar de leve a intensa, dependendo da gravidade da contusão.
  2. Inchaço: A contusão no joelho frequentemente causa inchaço na área afetada. O inchaço ocorre devido ao acúmulo de fluido, sangue e inflamação nos tecidos lesionados.
  3. Hematoma ou Equimose: Um hematoma é a característica descoloração da pele que ocorre após uma contusão. Inicialmente, a área afetada pode parecer avermelhada ou arroxeada, e a cor pode mudar à medida que o sangue se degrada, passando por tons de azul, verde e amarelo.
  4. Sensibilidade ao Toque: A área contundida pode ficar sensível ao toque e, em alguns casos, a pressão leve na região afetada pode causar desconforto.
  5. Perda de Amplitude de Movimento: Em casos mais graves, a contusão pode levar à limitação temporária da amplitude de movimento no joelho devido à dor e ao inchaço.
  6. Rigidez: Pode ocorrer rigidez no joelho afetado, especialmente nas horas iniciais após a lesão.
  7. Formigamento ou Dormência: Em alguns casos, a contusão pode afetar os nervos na área, levando a sensações de formigamento ou dormência.
  8. Fraqueza Muscular: A dor e o inchaço podem levar à fraqueza temporária dos músculos ao redor do joelho.

Geralmente, esses sintomas começam imediatamente após o trauma que causou a contusão e tendem a piorar nas primeiras 48 horas.

À medida que o tempo passa e a contusão começa a se curar, os sintomas geralmente melhoram gradualmente.

Quando devo procurar um especialista?

fisioterapeuta analisando joelho de paciente

Você deve procurar um especialista nas seguintes situações relacionadas a uma contusão no joelho ou qualquer lesão no joelho:

  • Gravidade da Lesão;
  • Dor Persistente;
  • Limitação da Amplitude de Movimento;
  • Instabilidade do Joelho;
  • Histórico de Lesões Recorrentes;
  • Sinais de Infecção;
  • Idade Avançada;
  • Dificuldade nas Atividades Diárias.

Lembrando que é sempre melhor buscar avaliação especializada quando há dúvidas ou preocupações sobre uma lesão no joelho, especialmente se houver sintomas graves ou persistentes.

Um especialista pode realizar exames físicos, exames de imagem e testes específicos para determinar a gravidade da lesão e prescrever o tratamento adequado para uma recuperação mais rápida e segura.

Como tratar?

O tratamento de uma contusão no joelho depende da gravidade da lesão e dos sintomas que você está experimentando. Confira algumas etapas gerais para tratar uma contusão no joelho:

Compressas Fria:

Compressa Fria: Nas primeiras 48 horas após a lesão, aplique uma compressa fria (como uma bolsa de gelo) na área contundida. Isso ajuda a reduzir a inflamação e o inchaço. Aplique por 20 minutos a cada hora ou conforme necessário, sempre protegendo a pele com uma toalha fina.

pessoa colocando bolsa de gelo no joelho

Elevação

Elevar o joelho afetado pode ajudar a reduzir o inchaço. Use travesseiros ou almofadas para elevar a perna enquanto estiver sentado ou deitado.

Fisioterapia

É muito importante procurar um fisioterapeuta. Ele poderá criar um programa de exercícios específico para fortalecer os músculos ao redor do joelho e melhorar a amplitude de movimento.

Imobilização

Em alguns casos, um suporte, tala ou tipoia pode ser recomendado pelo especialista para ajudar a proteger o joelho e evitar movimentos excessivos durante a recuperação.

Cirurgia (em casos raros)

Em lesões graves que envolvem fraturas ou danos significativos às estruturas internas do joelho, pode ser necessária cirurgia. Isso é geralmente reservado para casos mais graves.

Tempo de recuperação

O tempo de recuperação pode variar dependendo da gravidade da contusão.

É importante seguir as orientações do especialista e não apressar o retorno à atividade física normal para evitar recorrências ou complicações.

A paciência e o autocuidado são fundamentais para uma recuperação bem-sucedida.

O tratamento que vai devolver a saúde dos seus membros inferiores

A proposta do Instituto TRATA está fundamentada no conceito de inovação, no que se refere ao tratamento de membros inferiores (quadril, joelho e pé).

A garantia de resultados eficazes reflete os procedimentos adotados pela equipe:

Avaliação clínica detalhada

O paciente é submetido a uma avaliação clínica detalhada, feita por um especialista da equipe.

É esse primeiro passo que viabiliza um direcionamento específico ao tratamento, de acordo com o quadro particular de cada paciente.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: avaliação

Avaliação cinemática dos movimentos do corpo

A seguir, o paciente é levado a uma avaliação cinemática dos movimentos do corpo. A finalidade é analisar como os ossos e os músculos estão organizados na reação à gravidade e às forças atuantes no corpo humano. Para isso, utilizamos um software exclusivo de análise de movimento chamado TrataScan, cuja tecnologia avançada permite detectar quaisquer alterações na força ou funcionalidade das estruturas que acabam levando a um quadro inflamatório ou doloroso, por exemplo.

Assimetrias, padrões motores, lesões associadas, existência de compensações e quais estruturas devem ser trabalhadas são alguns pontos que podem ser avaliados durante essa etapa.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: avaliação cinemática 2D

Protocolo de tratamento das lesões dos membros inferiores

O último passo consiste na aplicação do protocolo de tratamento das lesões dos membros inferiores, formulado pela rede e baseado em evidências científicas.

O foco se concentra no alinhamento biomecânico dos membros inferiores com o objetivo final de melhora do quadro do paciente (sem recidivas) e, por conseguinte, de uma maior qualidade de vida.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: exercício de fortalecimento

Nenhum atendimento é padrão. Avaliamos as necessidades específicas de cada paciente e montamos a abordagem de tratamento mais assertiva para cada quadro.

A tecnologia faz parte do nosso programa de tratamento com o objetivo de oferecer aos pacientes o que há de mais avançado no tratamento conservador de Fisioterapia.

Agendar sua Avaliação

Esse Guia Exclusivo foi elaborado pelos Fisioterapeutas do maior grupo especializado da América Latina.

Preencha os dados para receber acesso de forma segura: