Para que serve o uso de joelheira?

Uma joelheira é um tipo de equipamento ortopédico usado para proteger e suportar o joelho.

Ela é projetada para fornecer estabilidade, compressão e suporte aos ligamentos e músculos ao redor da articulação do joelho.

Agendar sua Avaliação

Existem vários tipos de joelheiras no mercado, por isso é preciso conhecer cada tipo detalhadamente.

foto de joelheira

Para que serve o uso de joelheira?

O uso de uma joelheira serve a várias finalidades, dependendo do tipo de joelheira e da condição do joelho da pessoa.

Agendar sua Avaliação

Prevenção de lesões

Para atletas e pessoas envolvidas em atividades físicas, as joelheiras podem ajudar a prevenir lesões, especialmente em esportes de contato ou com movimentos repetitivos que colocam pressão sobre o joelho.

Estabilização

Para aqueles com instabilidade no joelho devido a lesões prévias nos ligamentos, como o ligamento cruzado anterior (LCA) ou colateral medial (LCM), as joelheiras de estabilização podem fornecer suporte adicional.

Alívio da dor

Joelheiras feitas com materiais que proporcionam compressão, como as de neoprene, podem ajudar a aliviar a dor associada a condições como artrite, tendinite ou síndrome da dor femoropatelar.

Suporte durante a atividade física

Para atletas ou pessoas que desejam um suporte extra durante a prática esportiva, especialmente em esportes de alto impacto, como corrida, futebol, basquete, entre outros.

foto de joelheira

Proteção

Em atividades em que há risco de impacto no joelho, como queda de bicicleta, uma joelheira de proteção pode ajudar a absorver o impacto e reduzir o risco de lesões graves.

Quais são os tipos de joelheiras?

foto de joelheira

Existem vários tipos de joelheiras, cada uma projetada para diferentes necessidades e condições.

Joelheira de neoprene

Feita de neoprene, um material elástico e durável que proporciona compressão e calor terapêutico à articulação do joelho.

Essas joelheiras são frequentemente usadas para aliviar dores leves, inchaço e artrite.

Joelheira de hiperextensão

Projetada para limitar a hiperextensão (quando o joelho se estende além de sua amplitude normal de movimento) e proteger contra lesões no ligamento cruzado posterior (LCP).

Joelheira de estabilização lateral

Indicada para lesões no ligamento colateral lateral (LCL) ou para pessoas que precisam de suporte lateral adicional.

Ela ajuda a evitar movimentos laterais excessivos do joelho.

Joelheira de estabilização medial

Similar à de estabilização lateral, mas projetada para lesões no ligamento colateral medial (LCM).

Proporciona suporte à parte interna do joelho.

Joelheira articular (de artrose)

Projetada para pessoas com osteoartrite no joelho.

Elas fornecem suporte, compressão e alívio da dor ao mesmo tempo em que permitem algum grau de movimento.

Joelheira de patela (ou rotuliana)

Projetada para fornecer suporte à patela (rótula) e ao tendão patelar.

Elas ajudam a aliviar a dor associada à síndrome da dor femoropatelar e outras condições patelares.

Joelheira esportiva

Usada por atletas para prevenção de lesões ou como suporte durante a prática esportiva.

Elas vêm em diversos estilos, desde as mais leves para atividades como corrida até as mais robustas para esportes de contato.

Joelheira ortopédica pós-cirúrgica

Especialmente projetada para ser usada após cirurgias no joelho, como reconstrução do ligamento cruzado anterior (LCA) ou após a substituição da articulação do joelho.

Por que as joelheiras sem furo na frente são as mais indicadas?

foto de joelheira

As joelheiras sem furo na frente, também conhecidas como joelheiras fechadas, são projetadas dessa forma por várias razões, especialmente quando comparadas às joelheiras com furo na frente, também conhecidas como joelheiras abertas.

Estabilidade e suporte

As joelheiras fechadas fornecem um suporte mais completo e uniforme ao redor de toda a articulação do joelho. Elas envolvem toda a área do joelho, incluindo a patela (rótula) e os ligamentos laterais e mediais, proporcionando estabilidade extra.

Compressão uniforme

Por não terem um furo na frente, as joelheiras fechadas oferecem compressão mais uniforme em toda a região do joelho. Isso pode ser benéfico para reduzir o inchaço, melhorar a circulação e aliviar a dor.

Proteção adicional

Joelheiras fechadas podem oferecer uma camada adicional de proteção contra impactos, quedas ou contusões, especialmente em esportes de contato ou atividades onde há maior risco de lesões.

Aquecimento terapêutico

O design fechado das joelheiras pode reter o calor, proporcionando um efeito terapêutico de aquecimento. Isso pode ser útil para aliviar a rigidez, aumentar a circulação sanguínea e ajudar na recuperação muscular.

Prevenção de deslocamento

Em algumas situações, como após uma cirurgia no joelho ou durante a reabilitação, as joelheiras fechadas podem ser mais eficazes em evitar o deslocamento da patela ou de outros componentes do joelho.

Alinhamento patelar

Para aqueles que têm problemas de alinhamento da patela (rótula), as joelheiras fechadas podem ajudar a manter a rótula no lugar correto durante a movimentação.

Como saber o tamanho da joelheira que devo usar?

foto de joelheira

Confira as dicas a seguir.

Circunferência do joelho

Use uma fita métrica flexível para medir a circunferência do joelho, cerca de 10 cm acima da patela (rótula). Esta é a parte mais larga do joelho. Certifique-se de que a fita está ajustada ao redor do joelho, mas não muito apertada.

Consulte a tabela de tamanhos

Cada marca pode ter sua própria tabela de tamanhos, então é importante verificar as instruções específicas da marca da joelheira que você está interessado em comprar. Normalmente, as tabelas de tamanhos associam a circunferência do joelho com o tamanho da joelheira.

Escolha o tamanho correto

Com base na sua medida de circunferência do joelho, localize o tamanho apropriado na tabela de tamanhos. Por exemplo, se a circunferência do seu joelho for de 35 cm, isso pode corresponder a um tamanho “M” em uma determinada marca.

Experimente a joelheira

Se possível, é sempre recomendável experimentar a joelheira antes de comprá-la, especialmente se você estiver comprando em uma loja física. Isso ajudará a garantir um ajuste confortável e adequado.

Ajustes e orientações

Muitas joelheiras têm recursos de ajuste, como tiras de velcro ou elásticas, para permitir um ajuste personalizado. Certifique-se de seguir as instruções de uso e ajuste fornecidas pelo fabricante para obter o máximo de suporte e conforto.

Qual profissional pode me auxiliar na indicação da melhor joelheira para o meu caso?

foto de joelheira

O fisioterapeuta desempenha um papel crucial quando se trata da prescrição e indicação de joelheiras para os pacientes.

Sendo um profissional altamente treinado e especializado em movimento humano, reabilitação e tratamento de lesões musculoesqueléticas, o fisioterapeuta é a pessoa mais adequada para determinar se uma joelheira é necessária e qual tipo seria o mais benéfico para o paciente.

foto de joelheira

Avaliação clínica especializada

Exame físico detalhado: O fisioterapeuta realiza uma avaliação física completa do paciente, incluindo testes de força, flexibilidade, amplitude de movimento e função do joelho. Isso permite uma compreensão aprofundada da condição do joelho e das necessidades específicas do paciente.

Identificação de lesões: Com base na avaliação clínica, o fisioterapeuta pode identificar lesões ligamentares, desalinhamento patelar, artrite ou outras condições que possam exigir o uso de uma joelheira para estabilização, suporte ou alívio da dor.

foto de joelheira

Conhecimento especializado

Compreensão da anatomia do joelho: O fisioterapeuta possui conhecimento avançado da anatomia e biomecânica do joelho, o que é essencial para prescrever a joelheira correta para a condição específica do paciente.

Tipos de joelheiras: Com base na avaliação e na compreensão das necessidades do paciente, o fisioterapeuta é capaz de recomendar o tipo adequado de joelheira, seja ela de estabilização, compressão, proteção ou suporte.

foto de joelheira

Abordagem personalizada

Tratamento individualizado: Cada paciente é único, com diferentes níveis de atividade, condições médicas e objetivos de tratamento. O fisioterapeuta leva em consideração todas essas variáveis ao recomendar uma joelheira, garantindo um tratamento personalizado.

Consideração das atividades do paciente: O fisioterapeuta considera o estilo de vida do paciente, incluindo atividades esportivas, profissão e hobbies. Isso é fundamental para determinar se a joelheira será usada durante a prática esportiva, no trabalho ou em outras situações específicas.

foto de joelheira

Acompanhamento e ajustes

Monitoramento da progressão: O fisioterapeuta acompanha a evolução do paciente ao longo do tempo. Se necessário, ele pode ajustar o tipo ou o tamanho da joelheira à medida que o paciente progride no tratamento.

Educação e orientação: Além de prescrever a joelheira, o fisioterapeuta fornece instruções detalhadas sobre como usar a joelheira corretamente, incluindo ajustes, cuidados com a pele e a melhor forma de integrá-la à rotina diária.

A joelheira pode auxiliar no tratamento de quais condições?

A joelheira é um equipamento ortopédico que pode auxiliar em uma variedade de condições relacionadas ao joelho.

Lesões ligamentares

Uma joelheira pode ser útil em casos de lesões nos ligamentos do joelho, como o Ligamento Cruzado Anterior (LCA) rompido.

Ela ajuda a estabilizar o joelho e oferecer suporte durante a reabilitação após a lesão.

Além disso, para lesões nos ligamentos colaterais do joelho, como o Ligamento Colateral Medial (LCM) ou o Ligamento Colateral Lateral (LCL), uma joelheira de estabilização pode ser recomendada para prevenir movimentos laterais excessivos.

Essas joelheiras ajudam a fornecer suporte adicional e a limitar a amplitude de movimento, auxiliando no processo de recuperação.

Instabilidade do joelho

Em situações de fraqueza muscular ao redor do joelho, uma joelheira de suporte pode ser uma solução eficaz.

Ela auxilia na melhora da estabilidade do joelho e na prevenção de movimentos indesejados que podem resultar da fraqueza muscular.

Além disso, para aqueles que sofrem com deslocamento frequente da patela, uma joelheira de alinhamento patelar pode ser recomendada.

Essa joelheira específica ajuda a manter a rótula na posição correta, auxiliando no alinhamento adequado do joelho durante atividades diárias e exercícios.

Condições crônicas

Para pessoas que sofrem de artrite no joelho, joelheiras com compressão leve podem ser uma opção eficaz.

Essas joelheiras ajudam a aliviar a dor e o inchaço associados à artrite, proporcionando conforto durante atividades diárias e exercícios.

Além disso, para aqueles que têm Síndrome da Dor Femoropatelar, uma joelheira específica para a patela pode ser recomendada.

Essa joelheira ajuda a aliviar a dor nesta área sensível e também melhora o alinhamento da rótula, o que pode reduzir a dor ao dobrar ou esticar o joelho.

Prevenção de lesões

Atletas que praticam esportes de contato, como futebol, basquete e vôlei, podem usar joelheiras de proteção para reduzir o risco de lesões por impacto.

Pessoas envolvidas em atividades de alto impacto, como corrida, também podem usar joelheiras para absorver o impacto e reduzir o estresse nas articulações do joelho.

Pós-cirúrgico

Após cirurgias como reconstrução do LCA, uma joelheira pós-cirúrgica pode ser usada para imobilizar e proteger o joelho durante a fase inicial de recuperação.

O tratamento que vai devolver a saúde dos seus membros inferiores

A base da proposta do Instituto TRATA está centrada na ideia de inovação no tratamento das extremidades inferiores, abrangendo quadril, joelho e pé. A asseguração de resultados eficazes espelha os métodos seguidos pela equipe:

Avaliação clínica detalhada

O paciente passa por uma avaliação clínica detalhada realizada por um especialista da equipe. Esse inicial procedimento possibilita uma orientação direcionada ao tratamento, considerando o quadro individual de cada paciente.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: avaliação

Avaliação cinemática dos movimentos do corpo

Posteriormente, o paciente passa por uma avaliação cinemática dos movimentos corporais. O objetivo é examinar a organização dos ossos e músculos em resposta à gravidade e às forças que atuam no corpo humano. Para essa finalidade, empregamos um software especializado de análise de movimento chamado TrataScan. Sua tecnologia avançada permite identificar quaisquer alterações na força ou funcionalidade das estruturas que podem resultar em quadros inflamatórios ou dolorosos, por exemplo.

Durante essa fase, é possível avaliar assimetrias, padrões motores, lesões associadas, presença de compensações e determinar quais estruturas necessitam de intervenção.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: avaliação cinemática 2D

Protocolo de tratamento das lesões dos membros inferiores

A etapa final envolve a implementação do protocolo de tratamento para lesões nas extremidades inferiores, desenvolvido pela rede e embasado em evidências científicas.

A atenção é direcionada para o alinhamento biomecânico das extremidades inferiores, visando aprimorar a condição do paciente (evitando recidivas) e, consequentemente, proporcionar uma maior qualidade de vida.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: exercício de fortalecimento

Não há um atendimento padronizado. Analisamos as necessidades individuais de cada paciente e desenvolvemos a abordagem de tratamento mais adequada para cada caso.

A incorporação da tecnologia é uma parte integral do nosso programa de tratamento, com o propósito de proporcionar aos pacientes as mais avançadas técnicas no tratamento conservador de Fisioterapia.

Agendar sua Avaliação

Esse Guia Exclusivo foi elaborado pelos Fisioterapeutas do maior grupo especializado da América Latina.

Preencha os dados para receber acesso de forma segura: