O que fazer em caso de lesão academia?

As atividades físicas podem trazer uma série de benefícios ao corpo e a mente do praticante, porém, quando feito em excesso ou sem supervisão de um especialista, pode ocorrer sim uma lesão na academia.

Nesse artigo você vai descobrir quais são as principais lesões que podem acontecer em uma academia e como eles podem ser prevenidos.

Agendar sua Avaliação

Como saber se lesionou o músculo na academia?

foto de lesão academia

É importante estar atento aos sinais de lesões musculares ao praticar exercícios físicos para evitar complicações e garantir uma recuperação adequada.

Dor muscular

Se você sentir uma dor muscular aguda e repentina durante os exercícios físicos, é um sinal de que algo pode estar errado.

Agendar sua Avaliação

Sentir dor muscular por mais de alguns dias após a atividade física também pode indicar uma lesão.

Inchaço e sensibilidade

Áreas do músculo que estão lesionadas podem inchar devido à inflamação.

Se a área estiver dolorida ao toque ou pressão após os exercícios físicos, é um sinal de lesão.

Fraqueza muscular

Se você sentir fraqueza muscular ou incapacidade de realizar um movimento que geralmente consegue, pode ser devido a uma lesão.

Limitação de movimento

Uma lesão muscular pode causar dificuldade em mover uma articulação ou músculo.

Quais são as lesões mais comuns na academia?

foto de lesão academia

Na academia, várias lesões podem afetar os membros inferiores devido aos exercícios que envolvem pernas e pés.

Distensões musculares

Distensões ou estiramentos musculares são comuns nos membros inferiores, especialmente nas coxas (quadríceps e isquiotibiais) e panturrilhas.

Podem ocorrer durante exercícios como agachamentos, levantamento terra, corrida e saltos.

Tendinite patelar (Joelho do Saltador)

É uma inflamação do tendão patelar, que conecta a patela (rótula) ao osso da perna.

Pode ocorrer devido a movimentos repetitivos de saltos ou agachamentos.

Causa dor ao redor da rótula, especialmente ao subir escadas ou após atividade física intensa.

Síndrome da Banda Iliotibial (Síndrome do Trato Iliotibial)

É uma lesão comum em corredores e pode ocorrer na academia durante exercícios como corrida e leg press.

A banda iliotibial, que vai do quadril ao joelho, fica irritada e inflamada, causando dor na parte externa do joelho.

Lesões meniscais

Os meniscos são cartilagens em forma de “C” que amortecem o joelho. Lesões nos meniscos podem ocorrer durante exercícios que envolvem torção e flexão do joelho.

Causam dor, inchaço e dificuldade de movimento.

Fraturas por estresse

Exercícios de impacto repetitivo, como corrida ou salto, podem levar a fraturas por estresse nos ossos dos membros inferiores, como tíbia e metatarsos.

Geralmente causam dor gradual que piora com a atividade.

Fascite Plantar

É uma inflamação da fáscia plantar, a faixa de tecido que conecta o calcanhar aos dedos.

Pode ser causada por excesso de impacto nos pés, especialmente em uma atividade física como corrida ou saltos.

Causa dor no calcanhar, especialmente ao dar os primeiros passos pela manhã.

Lesões no tornozelo

Entorses no tornozelo são comuns, especialmente durante uma atividade física de alta intensidade que envolvem mudanças de direção, como no treino de HIIT.

Pode resultar em ligamentos esticados ou rompidos.

O que fazer em caso de lesão academia?

foto de lesão academia

Em caso de lesão na academia é importante agir de maneira adequada para promover a recuperação e evitar complicações.

Pare o exercício

Se sentir dor aguda ou desconforto durante o exercício, pare imediatamente. Continuar pode piorar a lesão.

Descanse

Descanso é fundamental para permitir que o corpo se recupere. Evite exercitar a área lesionada.

Gelo

Aplique gelo na área lesionada por 20 minutos a cada 3 horas nos primeiros 3 dias. Isso ajuda a reduzir a inflamação e a dor.

Consulte um especialista se:

  • A dor persistir por mais de alguns dias;
  • Houver inchaço significativo;
  • Você sentir fraqueza ou incapacidade de usar a área lesionada;
  • A lesão parecer grave, como uma possível fratura;
  • Você não tiver certeza sobre a gravidade da lesão.

Quando procurar um especialista, como um fisioterapeuta?

foto de lesão academia

Um fisioterapeuta é um profissional de saúde especializado em reabilitação física e pode ser muito útil em casos de lesões durante as atividades físicas.

Ele pode avaliar a lesão, determinar seu grau de gravidade e desenvolver um plano de tratamento adequado para ajudar na recuperação.

Eles podem prescrever exercícios de reabilitação, terapias, massagens e técnicas de fortalecimento para acelerar a recuperação e prevenir lesões futuras.

Se a lesão parecer moderada a grave, ou se você estiver tendo dificuldade em se recuperar por conta própria é uma boa ideia procurar a orientação de um fisioterapeuta.

Como evitar lesões durante as atividades físicas?

Para evitar lesões durante e pós treino, é crucial seguir algumas orientações importantes.

Primeiramente, é essencial realizar um aquecimento adequado antes do treino, envolvendo movimentos dinâmicos que imitam os exercícios principais.

Em seguida, após o aquecimento, realizar exercícios de mobilidade é fundamental para melhorar a flexibilidade e reduzir o risco de lesões. No pós treino os exercícios de mobilidade são bem-vindos também.

É igualmente importante aprender e praticar a técnica correta para cada exercício. Caso necessário, buscar orientação de um profissional qualificado pode ser muito útil. Além disso, a progressão gradual é fundamental.

Usar o equipamento adequado é essencial para a segurança durante o treino. Certificar-se de que os calçados são apropriados para a atividade e que o equipamento de treino está em boas condições e ajustado corretamente é fundamental.

O tratamento que vai devolver a saúde dos seus membros inferiores

A base da proposta do Instituto TRATA está centrada na ideia de inovação no tratamento das extremidades inferiores, abrangendo quadril, joelho e pé. A asseguração de resultados eficazes espelha os métodos seguidos pela equipe:

Avaliação clínica detalhada

O paciente passa por uma avaliação clínica detalhada realizada por um especialista da equipe. Esse inicial procedimento possibilita uma orientação direcionada ao tratamento, considerando o quadro individual de cada paciente.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: avaliação

Avaliação cinemática dos movimentos do corpo

Posteriormente, o paciente passa por uma avaliação cinemática dos movimentos corporais. O objetivo é examinar a organização dos ossos e músculos em resposta à gravidade e às forças que atuam no corpo humano. Para essa finalidade, empregamos um software especializado de análise de movimento chamado TrataScan. Sua tecnologia avançada permite identificar quaisquer alterações na força ou funcionalidade das estruturas que podem resultar em quadros inflamatórios ou dolorosos, por exemplo.

Durante essa fase, é possível avaliar assimetrias, padrões motores, lesões associadas, presença de compensações e determinar quais estruturas necessitam de intervenção.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: avaliação cinemática 2D

Protocolo de tratamento das lesões dos membros inferiores

A etapa final envolve a implementação do protocolo de tratamento para lesões nas extremidades inferiores, desenvolvido pela rede e embasado em evidências científicas.

A atenção é direcionada para o alinhamento biomecânico das extremidades inferiores, visando aprimorar a condição do paciente (evitando recidivas) e, consequentemente, proporcionar uma maior qualidade de vida.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: exercício de fortalecimento

Não há um atendimento padronizado. Analisamos as necessidades individuais de cada paciente e desenvolvemos a abordagem de tratamento mais adequada para cada caso.

A incorporação da tecnologia é uma parte integral do nosso programa de tratamento, com o propósito de proporcionar aos pacientes as mais avançadas técnicas no tratamento conservador de Fisioterapia.

Agendar sua Avaliação

Esse Guia Exclusivo foi elaborado pelos Fisioterapeutas do maior grupo especializado da América Latina.

Preencha os dados para receber acesso de forma segura: