Você sabe como acontece a ruptura do menisco?

Quando ouvirmos o termo “ruptura do menisco” nos referimos a uma lesão comum no joelho, que pode ocorrer em qualquer faixa etária. E quando o menisco se rompe, pode causar grandes transtornos e sofrimento ao indivíduo.

No artigo de hoje vamos entender como acontece a lesão de ruptura do menisco e como podemos preveni-la.

Agendar sua Avaliação

O que é a ruptura do menisco?

Rupturas do menisco (Meniscus Tears) - OrthoInfo - AAOS

O menisco é uma cartilagem em forma de C na articulação do joelho que ajuda a amortecer e estabilizar a articulação. Essa lesão é causada por um movimento repentino de torção ou rotação do joelho.

A característica mais importante dos meniscos é que eles possuem pobre vascularização, ou seja, vasos sanguíneos. Assim, os meniscos não sofrem cicatrização ou regeneração caso sejam rompidos.

Agendar sua Avaliação

Existem dois tipos de meniscos: menisco lateral, localizado na parte lateral do joelho e menisco medial, de localização mais interna.

O menisco lateral é mais móvel quando comparado ao menisco medial, que é menos móvel por estar preso a estrutura tíbial, portanto, a ruptura do menisco lateral é mais difícil de acontecer.

Os meniscos ajudam na ligação da parte inferior do fêmur (o osso da coxa) à parte superior da tíbia (osso da perna).

Uma ruptura de menisco pode ocorrer com qualquer pessoa, em qualquer idade. No entanto, é mais comum entre as pessoas que praticam esportes como o futebol, basquetebol e tênis. É também mais comum em pessoas com excesso de peso ou que tem obesidade.

Como acontece a ruptura do menisco?

Existem dois meniscos em cada joelho – o menisco medial no lado interior do joelho e o menisco lateral no lado exterior. Ambos os pedaços atuam como amortecedores entre o seu fêmur e a tíbia.

A ruptura de menisco pode acontecer devido às seguintes razões:

  • Torção súbita ou movimento rotativo do joelho;
  • Um golpe direto no joelho;
  • Desgaste gradual da cartilagem com a idade.

Faço parte do grupo de risco para a ruptura do menisco?

Essa é uma lesão comum nos atletas, especialmente naqueles que jogam futebol, rúgbi e tênis. Também pode atingir pessoas com excesso de peso ou obesas.

Ortoclinic | Clínica de Ortopedia e Reabilitação

Quais são os sintomas de ruptura do menisco?

O sintoma mais comum é a dor no joelho. Outros sintomas podem incluir:

  • Inchaço;
  • Rigidez;
  • Sensação de estalido ou estalido no joelho;
  • Dificuldade em mover o joelho.

Se sentir algum destes sintomas, é importante consultar um médico o mais cedo possível.

Como é feito o diagnostico?

O diagnóstico é feito por exame clínico e testes complementares, como raio-X, ressonância magnética ou tomografia computorizada.

Durante o exame clínico, o médico irá perguntar sobre os seus sintomas e história médica. Ele ou ela realizará também um exame físico do seu joelho.

Como é feito o tratamento?

Lesão no Menisco: o que é e como tratar | Ortoclini | 48 3224-7466

O tratamento da ruptura do menisco dependerá da gravidade da lesão. Para ruptura do menisco, a combinação de tratamento conservador, repouso, gelo e medicação para a dor, pode ser suficiente. Mas para lesões mais graves, a cirurgia pode ser necessária para reparar ou remover o menisco danificado.

Como a fisioterapia pode ajudar a tratar essa lesão?

O principal objetivo da fisioterapia é reduzir a dor e o inchaço, e ajudar a recuperar a amplitude de movimento e força do joelho.

Com um diagnóstico e tratamento precoce, é possível acelerar a sua recuperação e evitar mais complicações.

O seu fisioterapeuta irá criar um plano de tratamento baseado nas suas necessidades individuais. O tratamento pode incluir exercícios, fisioterapia manual e outras modalidades.

Quando é necessário cirurgia para a ruptura de menisco?

Isso vai depender da gravidade do caso. Portanto, fale com o seu médico ou fisioterapeuta para discutir todas as suas opções de tratamento.

A cirurgia pode ser recomendada se:

  • A sua ruptura do menisco for grande ou tiver causado a instabilidade da articulação do joelho; a remoção de menisco só é recomendada como último recurso. Na maioria dos casos, é melhor reparar o menisco, se possível.

A ruptura do menisco pode ser curada?

A maioria das leões de ruptura do menisco pode ser tratada com métodos conservadores que inclui repouso e fisioterapia. No entanto, em alguns casos, a cirurgia pode acontecer se:

  • O paciente tiver um cisto meniscal;
  • Houver dores e inchaços persistentes que não melhoram com outros tratamentos conservadores.

É possível evitar essa lesão?

A melhor maneira de evitar a ruptura do menisco é a prevenção, ou seja, fazer exercícios para fortalecer os músculos das pernas e do joelho.

O que posso fazer para aliviar a dor?

Existem alguns métodos que ajudam a aliviar a dor, como:

  • Descanso;
  • Gelo;
  • Compressão.

Concluindo…

A ruptura do menisco é uma lesão comum no joelho que pode ocorrer em qualquer faixa etária. É importante consultar um médico se sentir quaisquer sintomas citados neste artigo.

Mas atenção: não deixe de consultar seu médico ou fisioterapeuta para um diagnóstico preciso, pois o tratamento da ruptura do menisco dependerá da gravidade do seu caso.

Espero que este artigo tenha sido útil para compreender o que é essa lesão e seus métodos de tratamento.

Obrigada pela sua leitura!

Agendar sua Avaliação