Ventosa no Joelho

A ventosaterapia, ou aplicação de ventosas nas costas, joelhos ou em diferentes áreas do corpo, tornou-se popular entre atletas, muitos deles exibindo marcas roxas após o tratamento em competições ou divulgando-o em suas redes sociais.

Atletas como Michael Phelps e Neymar já compartilharam fotos do tratamento com ventosas.

Agendar sua Avaliação

Mas como funciona a terapia de ventosa nas costas ou no joelho? Por que esse tratamento tem ganhado popularidade entre atletas profissionais e amadores? Vamos discutir sobre a ventosaterapia, suas indicações, contraindicações e os resultados esperados.

foto de Ventosa no Joelho

O que é ventosa no joelho? 

A aplicação de ventosas no joelho ou em outras regiões do corpo, como as costas, é uma técnica que deve ser realizada por um especialista.

Agendar sua Avaliação

Nesse procedimento, uma ventosa é aplicada em uma região específica, criando vácuo e puxando a pele para dentro da ventosa, com o objetivo de melhorar a circulação sanguínea local. Isso pode resultar em alívio da dor naquela região para o paciente.

Indicações da ventosaterapia

As indicações da ventosaterapia incluem dores musculares, lesões esportivas, tensão muscular, inflamações, alívio do estresse e melhora da circulação.

No entanto, é importante ressaltar que essa técnica isolada pode não resolver a causa real do problema.

O ideal é aderir a um tratamento completo e personalizado por um especialista.

Ventosaterapia pode promover um relaxamento muscular? Quais são os benefícios?

  • Aumento da circulação local;
  • Diminuição e/ou eliminação de pontos de contratura muscular, ou pontos de gatilho;
  • Fortalecimento de vasos sanguíneos;
  • Estimula a produção de líquido sinovial dentro do joelho;
  • Relaxa o corpo;
  • Relaxa a mente.

Porém, o ideal é sempre buscar um especialista antes de iniciar o tratamento com ventosas.

Contraindicações 

Alguns pacientes apresentam condições de saúde que contraindicam a utilização da ventosaterapia, seja com ventosas no joelho ou em outras partes do corpo. São elas:

  • Trombose;
  • Varizes;
  • Feridas no joelho;
  • Febre;
  • Fratura no joelho.

Além disso, algumas contraindicações são transitórias ou necessitam de maior atenção, como em pacientes com pressão arterial alta descontrolada ou que não estão seguindo o tratamento adequado.

Portanto, a avaliação individual prévia do paciente é sempre essencial, incluindo a análise de outras doenças existentes que possam interferir no tratamento.

foto de Ventosa no Joelho

Tipos de ventosas 

Existem basicamente 3 tipos de ventosas encontradas no mercado, e sua utilização depende da preferência e experiência do profissional formado em fisioterapia e com especialização em acupuntura.

Copo de silicone

Com esse tipo de ventosa, basta fazer pressão com os dedos sobre o silicone para formar o vácuo entre o silicone e a pele.

Copo de vidro

O vidro é rígido e não permite pressão sobre a pele. Para usar esse tipo de ventosa, acende-se uma vela no interior da ventosa para retirar o oxigênio. Com a vela acesa, o copo de vidro é rapidamente colocado sobre a pele, que é sugada devido à ausência de oxigênio.

Ventosa eletrônica

Com esse tipo de ventosa, basta colocá-la sobre a pele e ligar o aparelho, escolhendo a força de vácuo desejada. O aparelho eletrônico cria o vácuo, sugando a pele para dentro da ventosa.

Sessões de ventosa no joelho 

A duração das sessões depende do diagnóstico feito pelo especialista.

Dessa forma, é essencial que o especialista faça uma avaliação individualizada do paciente, antes de estabelecer se a ventosaterapia é uma boa indicação, bem como quantas sessões serão necessárias para atingir os objetivos.

Afinal, ventosa no joelho funciona? 

A utilização de ventosa no joelho tem como objetivo reduzir a dor na região. Sua correta indicação depende da avaliação do profissional fisioterapeuta, que deve considerar os benefícios e possíveis contraindicações para o paciente.

É recomendado consultar um fisioterapeuta, lembrando que essa técnica pode ser parte do tratamento para artrose, juntamente com outras abordagens como dry-needling, liberação miofascial, massagens, entre outras.

Portanto, a avaliação individual é essencial e a técnica de ventosa no joelho pode ser uma opção de tratamento para dores nessa região.

O tratamento que vai devolver a saúde dos seus membros inferiores

A base da proposta do Instituto TRATA está centrada na ideia de inovação no tratamento das extremidades inferiores, abrangendo quadril, joelho e pé. A asseguração de resultados eficazes espelha os métodos seguidos pela equipe:

Avaliação clínica detalhada

O paciente passa por uma avaliação clínica detalhada realizada por um especialista da equipe. Esse inicial procedimento possibilita uma orientação direcionada ao tratamento, considerando o quadro individual de cada paciente.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: avaliação

Avaliação cinemática dos movimentos do corpo

Posteriormente, o paciente passa por uma avaliação cinemática dos movimentos corporais. O objetivo é examinar a organização dos ossos e músculos em resposta à gravidade e às forças que atuam no corpo humano. Para essa finalidade, empregamos um software especializado de análise de movimento chamado TrataScan. Sua tecnologia avançada permite identificar quaisquer alterações na força ou funcionalidade das estruturas que podem resultar em quadros inflamatórios ou dolorosos, por exemplo.

Durante essa fase, é possível avaliar assimetrias, padrões motores, lesões associadas, presença de compensações e determinar quais estruturas necessitam de intervenção.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: avaliação cinemática 2D

Protocolo de tratamento das lesões dos membros inferiores

A etapa final envolve a implementação do protocolo de tratamento para lesões nas extremidades inferiores, desenvolvido pela rede e embasado em evidências científicas.

A atenção é direcionada para o alinhamento biomecânico das extremidades inferiores, visando aprimorar a condição do paciente (evitando recidivas) e, consequentemente, proporcionar uma maior qualidade de vida.

 Fisioterapia ortopédica e esportiva: exercício de fortalecimento

Não há um atendimento padronizado. Analisamos as necessidades individuais de cada paciente e desenvolvemos a abordagem de tratamento mais adequada para cada caso.

A incorporação da tecnologia é uma parte integral do nosso programa de tratamento, com o propósito de proporcionar aos pacientes as mais avançadas técnicas no tratamento conservador de Fisioterapia.

Agendar sua Avaliação

Esse Guia Exclusivo foi elaborado pelos Fisioterapeutas do maior grupo especializado da América Latina.

Preencha os dados para receber acesso de forma segura: